Somos, agora, o país que oferece o maior número de práticas integrativas

Somos, agora, o país que oferece o maior número de práticas integrativas

A Associação Brasileira de Enfermeiros Acupunturistas e Enfermeiros de Práticas Integrativas – ABENAH marcou presença no 1º Congresso Internacional de Práticas Integrativas e Complementares – INTERCONGREPICS, realizado nos dias 12 a 15 de março de 2018, no Rio de Janeiro e parabeniza seus associados pela apresentação de trabalhos e participação do evento.

Foram quatro dias de grande aprendizado, troca de experiências e aquisição de novas amizades, onde a ABENAH enquanto associação esteve presente em diversos debates, reuniões e rodas de conversas.

O ponto alto do congresso foi a divulgação pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, da inserção de 10 novas Práticas a PNPICS.

“Somos, agora, o país que oferece o maior número de práticas integrativas disponíveis na atenção básica. O SUS financia esse trabalho com a transferência para os municípios, e nós passamos então a caminhar um pouco na direção do fazer e não cuidar da doença”, disse o ministro.

Durante a solenidade de abertura, o ministro assinou também a incorporação no organograma do Ministério da Saúde da Coordenação de Práticas Integrativas e Complementares, cujo titular será Daniel Amado. O ministro lançou ainda o glossário temático e o manual de boas práticas para as terapias integrativas no SUS.

Confira todas as 29 Práticas oferecidas pelo SUS:

1- acupuntura
2- homeopatia
3- fitoterapia
4- antroposofia
5- termalismo
6- arteterapia
7- ayurveda
8- biodança
9- dança circular
10- meditação
11- musicoterapia
12- naturoterapia
13- osteopatia
14- quiropraxia
15- reflexoterapia
16- reiki
17- shantala
18- terapia comunitária integrativa
19- ioga
20- apiterapia
21- aromaterapia
22- bioenergética
23- constelação familiar
24- cromoterapia
25- geoterapia
26- hipnoterapia
27- imposição de mãos
28- ozonioterapia
29- terapia de florais

 

Estaremos sempre a disposição dos associados para esclarecimentos de dúvidas, troca de experiência e sugestões para melhorias.

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*